Category: Amélia da Vez
A Amélia da vez- Hanny Angele
admin | 21 de abril de 2011 | 14:04 | Amélia da Vez | Nenhum comentário

Quando a Lu me convidou pra escrever minha história como Amélia Moderna, pensei comigo o que seria uma Amélia Moderna?

Curiosa que sou entrei no site, desci a barra de rolagem e me deparei com a história dela que é muito, mais muito parecida com a minha.

E assim me deu vontade de compartilhar também a minha longa, sofrida mas divertida história.

Espero que gostem:

Nome: Hanny Angele

Idade: 30 anos

Graduação: Estudande de Relações Públicas

Profissão: Atendimento e Relações Públicas Revista Cult.

Amores: Meus filhos (Anna Julia e Lucas)

Admiração: Minha mãe

Palavra que me define: Resiliência

Ídolo: Deus

Sonho: Me formar, comprar minha casa, ser feliz profissionalmente, dar um futuro digno aos meus filhos, comprar uma casinha pra minha mãe, viajar pro exterior e encontrar um amor que valha a pena.

Muito? Não perto do que já passei pra chegar até aqui não mesmo.

Fui mãe muito nova, e com isso tive que pagar por esse erro.Erro de ser mãe?Não novamente.

Simplesmente de colocar uma criança no mundo sem poder dar a ela o que um ser humano realmente mereça ter.

Mas com ajuda de minha mãe consegui terminar o colegial para assim começar a trabalhar desde cedo e sustentar uma criança que mesmo que tenha vindo inesperada, estava ali para receber além de educação, roupa, alimentação, moradia muito amor e carinho.

Após alguns anos veio ao fim um relacionamento nada maduro e ao invés de voltar a estudar e procurar seguir uma vida profissional, resolvi me aventurar em outro relacionamento junto com minha pequena Anna Julia, só que agora firmado dentro de uma casa longe de minha mãe e esperando viver um mar de rosas, até engravidar novamente e aos 24 anos ter outro filho.

Idade hoje que seria a mais certa para se ter um filho, mas isso quando não se tem uma já com sete anos.

A gravidez foi linda, o casamento parecia ser tudo uma maravilha, o segundo e tão desejado filho Lucas nasce e o que parecia ter se completado uma família feliz, para espanto de todos ali nascia um problema que parecia não ter mais solução.

Uma doença grave interrompe todo esse ciclo e até alguns sonhos.

Um câncer de estomago me deixa bem longe de uma vida normal, o espanto era de se esperar, pois porque eu, com tanta saúde e com tão pouca idade poderia adquirir uma doença tão cruel e malígna dessa maneira.

E assim minha vida tomava outro rumo, outras atitudes, outra rotina.

Para muitos poderiam achar que fosse para pior, mas para mim, pelo contrário,  no momento,digo que hoje veio para muito melhor.

A doença apesar ser uma das que mais matam no mundo me trouxe além de mudanças físicas, vários benefícios, aprendizados, coisas que tive que aprender com o sofrimento mas que hoje me lembro com orgulho de cada momento vivido naquela época. Me mostrou um novo jeito de ver a vida, de encarar os problemas, de não abaixar a cabeça pro que parece ser impossível e de ser cada dia mais forte para as quedas que apareceriam pelo caminho.

Os 32kg que pesei, oriundos da gastrectomia total que fiz, o cabelo que perdi por conta das longas sessões de quimioterapia, os incansáveis e imensos dias nos hospitais recuperando minha imunidade, os enjôos diários, os meses longes dos meus filhos, um ainda com menos de dois anos de vida, e outra na escola precisando da minha atenção, o emprego abandonado e que sempre foi meu orgulho e pra finalizar o fim de um casamento frustrante.

Uma luta que durou 7 meses, que, para mim durou uma eternidade, mas que graças a Deus teve um final feliz e hoje posso comemorar com todos que estiveram presente nesses momentos mais difíceis.

Graças a Deus, minha mãe, meus amigos, meus filhos e meus competentes médicos pude ter coragem de lutar e jamais desistir dos meus sonhos.

E assim não perdi tempo, quando me vi curada procurei correr atrás desse tempo que digo não perdido, pq me trouxe lições, digo interrupto talvez.

Voltei a trabalhar, recuperei meu filho que antes estava com o pai, voltei a morar com minha mãe, minha filha e por último me matriculei na faculdade para ali trilhar o tão sonhado futuro profissional.

Hoje com muito orgulho trabalho na área de Comunicação, e apesar de trabalhar o dia todo, ainda estudar, estou a caminho também da tão desejada e necessária  CNH para assim ter meu próprio veículo e enfim cada dia mais ir adquirindo coisas que antes pareciam impossíveis.

Me formo daqui alguns anos, nesse meio tempo pretendo também me formar em línguas e me especializar em Gestão de Marketing.

Se pensam que meus sonhos acabam por aí…se enganam.

Quero continuar sonhando, crescendo e procurando ser cada dia mais um ser humano de Deus e com muita fé na vida.

Afinal não estou viva pra desistir, se vim até aqui tenho que continuar minha luta diária pois sei que sem ela nada disso será possível.

Sempre digo pra minha mãe: Porque será que tudo pra mim é mais difícil?

E ela sempre me responde: Minha filha, Deus te deu uma nova oportunidade de vida, e ele não fez isso á toa.Fez porque sabia que você tinha condições de ir até o fim.Afinal Ele não dá fardo maior a ninguém que não seja capaz de carregar.

E com isso deixo aqui meus votos de que todas Amélias Modernas jamais desistam de suas lutas e sonhos, pois por mais pequenos e insignificantes que sejam eles são SONHOS.

E sonhos só são realizados se corrermos atrás para conquistá-los.

Lu obrigada pela oportunidade, parabéns pela história de vida e pelo lindíssimo blog.

“Mais do que caminhar é preciso saber onde queremos chegar.”(Pe Reginaldo Manzotti)

Hanny Angele

Quer mandar sua história e ser a Amélia da Vez? Mande seu email com uma foto para amelias@ameliasmodernas.com.br

Amélia da vez, Thamires Goulart .
admin | 8 de março de 2011 | 15:25 | Amélia da Vez | Nenhum comentário

Bom, pra começar eu me chamo Thamires Goulart aos 18 anos de idade, sou uma Amélia moderna,
assim como muitas que foram criadas como somente Amélia, se tornam Amélia ao constituir responsabilidades,
sou universitaria, amiga , companheira, alegre …mais tambem tenho meus defeitos.
Com 15 anos comecei a trabalhar no mundo da comunicação, aprendi mundo e continuo aprendendo, quero crescer nessa area.
Como todas as amélias eu sonho em me formar, ter um bom emprego, estabilidade e me casar com a pessoa que Deus escolheu para ser meu companheiro.
O meu curso é bastante alternativo, o curso de Ciencias Sociais nos permite olhar por cima, estudar a diversidade existente na nossa sociedade, mais eu não quero só estudar a sociedade onde eu vivo, quero conhecer outros lugares, quero ir à Africa!!!
São muitos os meus sonhos, mais coloco nas mãos de Deus, pois os meus sonhos só serão de fato meus se forem sonhados por Deus.
Eu danço…e adoro dançar em adoração.
Bom tenho muito o que viver e muito o que aprender…mais sou uma amélia moderna.
Beijos a todas as Amélias.

Thamires Goulart.

Você também poder ser a Amélia da vez, só mandar sua história com foto para amelias@ameliasmodernas.com.br